Como evitar que o cachorro puxe a coleira | Tudo Sobre Cachorros

Como evitar que o cachorro puxe a coleira

Escrito por: Tudo Sobre Cachorros Atualizado em 16/03/2015

Essa é uma reclamação constante de muitos donos de cães. O cachorro puxa a guia durante o passeio, na verdade ele que leva o dono pra passear. Bem, tem solução, como tudo!
 
É muito mais fácil ensinar a forma correta pro seu cachorro para que ele sempre ande certo, do que depois futuramente você precisar corrigi-lo.
 
Veja aqui tudo que você precisa saber sobre adestramento e sobre filhotes.
 
Confira a técnica do educador de animais Gustavo Campelo:
 


 
 

Método da coleira solta

 
Uma coleira presa normalmente e por volta de 1.8m de comprimento já é necessário para este treinamento. O primeiro passo para ensinar a caminhada com a coleira solta é ter em mente que sair de casa preso à ela já é uma recompensa. Em segundo lugar, lembre-se que se você continuar andando quando seu cão fica puxando a coleira, você está na verdade o ensinando a bagunçar.
 
ensinar cachorro a nao puxar a coleiraPrimeiro, coloque a coleira e a guia no cão e fique parado em um só lugar. Dê ao cão coleira suficiente para que ele possa caminhar cerca de um metros de você. Recompense-o cada vez que a coleira ficar solta. Este método é melhor quando utilizado com um marcador de recompensa, como “sim” ou um click.
 
Quando estiver pronto para começar a andar diga “vamos!” e de alguns passos. Quase certeza que seu cão vai começar a puxar de imediato, então pare de andar. Aguarde a coleira para ficar folgada novamente, dê uma recompensa e tente andar novamente. Tente não puxar ou a coleira, o que é a sua resposta natural. Se é difícil para você parar de puxar, coloque no bolso a mão que segura a coleira. Seja também muito firme ao falar com seu cão. Os filhotes prestam atenção às coisas por pouco tempo e falar com com seu filhote com um tom de voz mais grave o ajudará a manter a atenção em você
 
 

Método do burro e da cenoura

 
Um segundo método de ensinar seu cão a não puxar é chamado de “método da cenoura na frente do burro”. Comece a caminhar, segurando um petisco com uma mão na frente do nariz do seu cão. Se você tem um filhote pequeno, pode fazer isso com uma colher cheia de manteiga de amendoim e abaixe a colher de vez em quando para permitir que ele dê uma lambida. Garanta que recompensa o cão a cada poucos metros que ele o acompanha. Tente carregar uma porção de ração com você na caminhada para medir se seu cão está indo bem. Se a ração acabar antes da caminhada, então já sabe que você tem que continuar tentando. Se ainda tiver sobra de ração quando voltar saberá que conseguiu ensinar seu cão e pode fazer um agrado ainda maior dando o que sobrou para ele.
 
Com qualquer um dos métodos, não tente o treinamento se seu cão não teve a oportunidade de gastar um pouco de energia por ter ficado fechado por várias horas. Brinque um pouco com ele antes e daí sim vá para a caminhada quando ele estiver um pouco mais tranquilo. No entanto não o faça ficar muito cansado porque daí ele pode não te dar atenção na caminhada.
 
Quando puder passear com seu filhote e segurar ao mesmo tempo a coleira e um pote de água, dai poderá dizer que conseguiu ensinar seu cão a andar com a coleira solta. Lembrando que “solta” não significa que o cão ficará solto na rua, mas sim que a coleira/guia estará frouxa, sem ser esticada e puxada pelo cão.
 
 
Referência: Pet Education
 

Snapchat Tudo Sobre CachorrosInstagram Tudo Sobre Cachorros

Ganhe um Calendário 2016

Assine GRÁTIS a Newsletter, receba os artigos no seu e-mail e ganhe um lindo Calendário 2016 pra você baixar e imprimir!

Mãe de cachorro?

Junte-se a nós!

Cadastre-se para conhecer a DogHero, serviço de hospedagem para cães, e receba toda semana novidades do mundo canino.