Antes de ter um cachorro - dono pela primeira vez

Antes de ter um cachorro

Escrito por: Tudo Sobre Cachorros Atualizado em 29/08/2016

Após anos perguntando aos donos de cachorros se você pode fazer carinho nos seus cães, você começou a pensar se seria um dono responsável. Afinal, milhões de pessoas são. Será que é tão difícil assim? Esse artigo foi pensado especialmente para os donos de primeira viagem.
 
Na verdade, ser dono de um cão envolve mais coisas a considerar do que você pensa. Você, é claro, quer ser um dono responsável, o que significa desde recolher cocô, treiná-lo, até assumir contas de veterinário. Veja algumas coisas que deve considerar antes de embarcar em uma viagem por abrigos e criadores.
 
Estamos aqui pra conscientizar, por isso, leia também as matérias:
20 razões pra você não ter um cachorro
20 motivos pra ter um cachorro
 
Faça uma escolha consciente!
 
 

Pessoas alérgicas a cães

 
Cerca de 10 milhões de pessoas são alérgicas a gatos, mas muitas não sabem que podem ser alérgicas a cachorros também. Existe uma ideia de que certas raças são hipoalergênicas. Na verdade, qualquer cão pode causar alergia porque ela deriva de caspas, óleo e glândulas dos cães. Porém, as seguintes raças podem ajudar a reduzir a alergia, por soltarem pouco pelo e/ou terem os fios semelhantes ao cabelo humano:
 
Cão de Crista Chinês
Poodle
Maltês
Yorkshire
Basenji
Whippet
Shih Tzu
Lhasa Apso
 
 
dono de cachorro

Tempo e energia

 
Mesmo cães de baixa manutenção como o Greyhound demandam tempo e energia de seus donos. Há passeios a fazer, alimentar, limpar, tosar, treinar, levar ao veterinário. E, é claro, tempo para carinho. Os cães nos dão dois grandes presentes – devoção e amor incondicional- e esperam receber o mesmo de volta. Você pode sair duas vezes por dia com seu cachorro? Por mais que seu cão tenha um nível baixo de energia, você precisa sair com ele pra passear de manhã e à noite. Está preparado pra isso?
 
 

Manter um cachorro custa muito dinheiro

 
Os americanos gastam cerca de 41 milhões de dólares por ano com seus cães. É verdade que eles mimam seus cães mais do que outras pessoas, mas mesmo o básico, custa dinheiro. E quanto mais velhos eles ficam, mais custos extras se acumulam, como as contas do veterinário. Isso sem falar em alguma emergência, como uma doença séria ou uma cirurgia. Alguns custos quando se tem um cão:
– Contas do Veterinário: consultas de rotina, acidentes, doenças inesperadas, exames (caríssimos!)
– Remédios (eles sempre precisam de uma pomadinha, um remedinho aqui, outro ali)
– Ração (o ideal é oferecer uma ração super premium completa. Essas costumam custar mais caro que outras)
Brinquedos (um brinquedo seguro pro seu cachorro custa em média R$40,00)
– Guloseimas (petiscos, biscoitinhos)
– Higiene (escova de dentes, escova de pelos,
Acessórios: guias, coleiras, roupas pro inverno
– Pequenas Necessidades: Cortadores de unha, escovas, suplementos
– Hotel para cães caso seja preciso (você vai precisar ou querer viajar, e aí você pode contar com um valor de, em média, R$120 por dia de hospedagem no fim de semana)
 
 

Sua família precisa aceitar a ideia

 
Obviamente, você precisa do apoio dos membros da família antes de trazer um filhote pra casa. É fácil listar os benefícios de ter um cão: da diminuição do ritmo cardíaco a redução da depressão por ter um protetor, por ir ao parque, por não ser aquele estranho sem cachorro andando por aí. Há também desvantagens – alguns cães precisam de muito treinamento, alguns latem demais, alguns gostam de rolar na sujeira e outros mastigam o sofá. As pessoas precisam estar preparadas para compartilhar suas vidas com essa criatura peluda para o bem e para o mal. Sim, a casa ficará cheia de pelos. :)
 
 

Outros animais

 
Cães e gatos costumam conviver bem. Às vezes não. Qualquer animal – ferret, hamster, pássaro, outro cão – é afetado com a chegada de um novo cão. Esteja preparado e seja paciente enquanto eles se conhecem. E evite raças orientadas para a presa, porque elas nem sempre sabem a diferença entre um coelho e um gato.
 
 

Estilo de vida

 
Ter um cão não é tão flexível quanto ter outros animais. Você não pode simplesmente pegar o primeiro avião e sair do país. Alguém tem que estar em casa para alimentá-lo, sair com ele e verificar como ele está. Se você fica até tarde na rua e sai muito cedo, um cão vai se sentir negligenciado, se acidentar ou destruir seu amado tapete.
 
 
Não é tão fácil ser um responsável dono de cachorro. Há muitos fatores envolvidos. Mas o mais importante é o comprometimento: “Você pode se comprometer para o resto da vida dele?” Isso, felizmente, quer dizer que o seu cachorro será um membro da família e que você não poderá se cansar ou se frustrar e simplesmente desistir dele. Se fizer isso, você deverá achar um bom lar para ele – muitos cães que são abandonados ou deixados em abrigos nunca voltam a ver a luz do sol. Ao se preparar para ter um cão, você ajuda a garantir uma vida longa e feliz juntos.
 


 
 

Minha história com a Pandora

 
Halina Medina Pandora Bulldog FrancêsTer a Pandora foi uma grande e importante decisão, pensada e analisada durante 4 anos. Depois dela, eu praticamente não viajo mais. Por um lado porque eu não quero deixá-la sozinha em hotéis, por outro, eu que não quero ficar longe dela! Gasto mais dinheiro, pois a Pandora é um bulldog francês e por isso vive cheia de alergias, irritações de pele e afins. Mas se serve de alguma coisa, nunca me arrependi da decisão que tomei e sem a Pandora na minha vida, eu não sou eu mesma!
 

Snapchat Tudo Sobre CachorrosInstagram Tudo Sobre Cachorros

Ganhe um Calendário 2016

Assine GRÁTIS a Newsletter, receba os artigos no seu e-mail e ganhe um lindo Calendário 2016 pra você baixar e imprimir!

Mãe de cachorro?

Junte-se a nós!

Cadastre-se para conhecer a DogHero, serviço de hospedagem para cães, e receba toda semana novidades do mundo canino.